A longevidade de uma empresa é um dos pontos que ganham mais destaque quando o assunto é empreendedorismo. Imagine se grandes companhias tivessem fechado suas portas assim que seus criadores tivessem saído delas? O que seria da Apple hoje se tivesse simplesmente desistido de funcionar por causa da morte do Steve Jobs? Essa reflexão é válida quando o assunto é sucessão.

Se você é um empreendedor e ainda não sabe como se preparar para uma futura sucessão de liderança, não pode deixar de ler este artigo! Ao longo do texto, vamos explicar os cinco principais cuidados necessários para se fazer uma transição de cargos.

Continue a leitura e fique por dentro do assunto!

1. Inicie o processo de sucessão cedo

É necessário dar início ao processo de sucessão antes mesmo da troca de comando. É essencial que os diretores da sua empresa comecem a desenvolver processos que auxiliem as tomadas de decisão preventivas, só assim será possível compreender todos desafios que a nova gestão terá.

Um primeiro passo que ajudará a diminuir as resistências da sucessão é entender quais pontos precisam ser preservados (os valores, a marca, a missão, entre outros). Além disso, é preciso reconhecer que mudanças podem ser efetivas, quando bem lideradas.

Um anúncio sem aviso prévio ou o devido estudo, pode provocar sérios problemas, tanto na gestão, quanto na imagem do negócio. Além de se preocupar com os processos internos, a preservação da imagem da instituição também deve ser incluída no planejamento.

2. Defina quais cargos são elegíveis

Uma vez entendido que o processo de sucessão deverá ser iniciado o mais cedo possível, é chegado o momento de definir quais cargos são elegíveis à sucessão. Esse ponto precisa ser levado em consideração justamente para servir como referência para o planejamento estratégico.

A partir dessa definição, será identificado qual o perfil ideal para os determinados cargos selecionados — esse passo é importante para ajudar a reconhecer quais profissionais têm mais potencial para dar continuidade ao trabalho.

3. Invista em treinamento de sucessão de liderança

Treinamento nunca é demais, ainda mais quando estamos tratando de cargos que têm grande impacto dentro de uma organização.

A capacitação dos colaboradores da sua empresa ajudará a identificar quais as pessoas ou competências que precisam de uma atenção maior. Essa observação ajudará a reforçar os passos anteriores e fará com que o profissional que assumir seja a melhor opção para aquele momento.

Criar a cultura de liderança dentro da empresa mostrará que os profissionais terão autonomia na organização. Isso significa ganho de produtividade e desempenho, já que os colaboradores passam a estar cientes de que algumas tarefas não precisam da atenção ou autorização de outros membros.

4. Estabeleça estratégias de sucessão

Depois de identificar os cargos elegíveis à sucessão de seus líderes e de começar um programa de treinamentos, é hora de estabelecer as estratégias para colocar em prática como será feita essa sucessão.

Muitas empresas usam os planos de carreira internos para determinar quais candidatos são mais indicados a participarem do processo de sucessão. É comum considerar o tempo de permanência em um determinado cargo, além de outros requisitos para as devidas promoções.

Mas, se essa mentalidade de plano de carreira dentro da empresa for associada ao que o profissional de fato quer, todo o processo será mais simples.

5. Incentive a cultura de liderança

O termo cultura da empresa vem sendo cada vez mais usado dentro das organizações. Principalmente nas empresas familiares, o fator cultural é um dos principais pontos que tangem a liderança organizacional e que norteiam o processo sucessório.

O importante é fazer com que os funcionários se sintam como parte fundamental da organização. Afinal, o envolvimento de todo o pessoal faz com que os valores, a marca e a missão sejam vividos diariamente.

Desta forma, a sucessão de liderança não pode ser pensada como o fim de uma era, mas sim que a nova gestão terá um futuro promissor e levará a empresa atingir seus objetivos.

Gostou do nosso conteúdo e que ficar ainda mais atualizado? Basta nos seguir nas redes sociais. Nós estamos no Facebook e no LinkedIn!

Share: