É muito importante pensar em alternativas que possibilitem o crescimento do seu negócio. Por isso, conquistar um cliente e engajá-lo a participar ativamente de um programa de fidelização se mostra como uma solução rentável e interessante.

A ideia é realmente aprofundar o contato com o consumidor e aproximá-lo da sua marca. Isso ainda incentiva o consumidor a continuar adquirindo produtos e serviços, mesmo em tempos de crise.

No momento em que você alcançar esse objetivo, verá como a solução de fidelização possibilita que o seu negócio se mantenha firme e em constante crescimento no mercado.

Quer entender melhor como isso funciona? Veja abaixo como estruturar uma boa estratégia!

O que é, de fato, um programa de fidelização com cartão de marca própria?

O cartão fidelidade é uma solução moderna e inteligente para fortalecer o vínculo entre a empresa e o cliente.

A ideia é possibilitar ao consumidor uma bonificação ao alcançar um determinado número de compras ou pontos. Esta recompensa pode ser, por exemplo, um desconto nas próximas compras ou, até mesmo, a troca por outros produtos da loja.

Com isso, além de auxiliar a sua marca na fidelização de clientes, a ação também permite atrair novos compradores que identificam nela uma forma de manter o poder de compra de bens e serviços.

Como funciona na prática?

O programa de fidelidade permite ao varejista poder definir quais serão as regras de resgate e condições de adesão. É possível também que ele próprio administre o serviço (atrelado ao cartão próprio da loja, seja na modalidade pré ou pós-paga).

O programa de fidelidade permite ainda criar mecanismos que facilitem a soma de pontos ao final de cada compra e até mesmo os descontos alcançados.

Para entender a dinâmica entre as modalidades do cartão próprio (pré ou pós), confira as possibilidades de resgate do programa nos exemplos abaixo:

– Cartão pré-pago (recarga feita pelo portador): é possível o resgate dos pontos na troca por produtos da loja ou como desconto na compra;

– Cartão pós-pago (com fatura emitida): é possível o resgate dos pontos na troca por produtos da loja, como desconto na compra ou, ainda, como desconto no pagamento da fatura do cartão.

Por que a comunicação com o cliente é importante?

Em um mercado em busca crescente de novos clientes, é essencial que a sua marca faça a diferença. Um dos principais fatores para o fortalecimento da relação entre cliente e empresa é uma boa comunicação.

Nesse sentido, ações de marketing são importantes e direcionam o consumidor a entender melhor sobre o seu negócio, além de incentivá-lo a participar de atividades que a empresa desenvolve.

Pesquise quais são os principais meios de comunicação em que o seu cliente está inserido. A partir disso, o que fará a diferença é a criação de campanhas de marketing focadas em cada segmento. Divulgação de material impresso, campanhas em redes sociais e campanhas publicitárias são algumas das alternativas que ajudam o seu negócio nessa comunicação contínua com o cliente.

Nunca se esqueça de que aliar comunicação com uma nova prática de varejo é o primeiro passo para que o consumidor queira conhecer mais sobre o seu negócio!

Confira a seguir outras boas práticas de como estruturar um programa de fidelização a partir de cartão de marca própria

1. Crie premiações

Todo bom programa de fidelização oferece aos clientes um prêmio em determinado momento. Muito mais que um estímulo para comprar, essa solução cria um vínculo duradouro e saudável com o consumidor.

Analise quais são as possibilidades mais rentáveis para o seu negócio, mas que estejam em equilíbrio com o desejo do cliente.

Uma boa prática é oferecer como bonificação alguns dos produtos ou serviços que sejam os mais procurados pelo público. Outra ação é criar essas premiações durante os meses de menor movimento no seu negócio; assim, você assegura o poder de compra para a sua marca.

É importante destacar que sua empresa deve estabelecer regras claras sobre o programa: benefícios, validades, sistema de resgate/trocas, etc. Assim, seu cliente ficará ainda mais motivado para aderir ao programa.

Vale reforçar ainda que, com esse benefício, você também alcança os consumidores de menor poder aquisitivo, aumentando a sua carteira de clientes.

2. Evite longos prazos para a conquista de benefícios

Mais do que engajar o seu cliente a participar do programa de fidelização, você tem de mostrar que ele não precisa esperar muito para receber a premiação. Dessa forma, além de manter o consumidor com um alto interesse pela compra de produtos ou serviços, a sua marca reforça a ideia de ótimo custo-benefício na adesão de um programa de fidelidade.

Além desses fatores, pense que o rápido recebimento da bonificação incentivará naturalmente o cliente a compartilhar essa experiência. Com a divulgação espontânea do programa de fidelização da sua marca, potenciais novos consumidores serão atraídos.

3. Possibilite soluções que ajudem a conhecer melhor o seu cliente

Uma regra fundamental para alcançar ainda mais fidelizações é conhecer o seu público-alvo. Por meio do cartão, isso é possível e permite também que o seu negócio desenvolva outras práticas de engajamento ainda melhores.

Com um banco de dados atualizado sempre que o consumidor utilizar o cartão da marca própria, será mais fácil desenvolver o seu perfil e identificar os produtos que mais interessam a esse comprador.

Essa solução facilita o alcance de um bom volume de vendas porque o cliente ficará atraído exatamente pelo que ele procura.

4. Ofereça um amplo canal de atendimento

Não basta criar o melhor programa de fidelização se você não oferece meios de atendimento para receber sugestões e até mesmo reclamações. Procure oferecer, de forma mais eficiente possível, canais de atendimento e mostre para o seu cliente que ele será ouvido e atendido. É importante que essas ferramentas estejam à disposição do consumidor.

Você verá que essa prática ajuda a eliminar qualquer dúvida que ele tiver durante a sua fidelização e, muitas vezes, é o que vai assegurar o seu negócio com retornos positivos quanto ao atendimento e sucesso pós-venda.

5. Mantenha o programa sempre atualizado

Lembre-se que o seu negócio tem de estar alinhado com as necessidades do seu público. Isso inclui, principalmente, identificar quais são as tendências e desejos de consumo que ele possui.

Atenta a isso, sua marca conseguirá mostrar ainda mais o seu diferencial em um programa de fidelização dinâmico e em constante inovação de produtos e serviços oferecidos.

Outra dica é ficar sempre bem informado sobre práticas para a fidelização de clientes. Por isso, assine a nossa newsletter e receba sempre conteúdos que ajudarão você e o seu negócio!

 

Salvar

Share: