Gerir uma empresa rentável é o objetivo de todos os gestores. Mas para isso, é preciso pensar de forma integralizada, concentrando-se em processos e gestão de custos. No comércio, considera-se custo o valor baixado dos estoques dos produtos vendidos, enquanto as despesas os desembolsos feitos pela empresa. Fazer uma apuração correta do que é despesa e do que é custo nos ajuda a analisar a margem de contribuição de cada item. Ou seja, conseguimos analisar diante do faturamento bruto e gastos de aquisição se um produto vale a pena ou não. Neste artigo vamos abordar maneiras de fazer esta gestão e garantir um maior lucro para o seu negócio.

Conheça o mercado e controle dados e informações

Esta é a chave para a obtenção de uma vantagem competitiva no setor de varejo. Os mercados estão crescendo e tornando-se mais complexos: daí a importância de uma solução de gestão tecnológica integrada para lidar com todas as transações envolvidas.

É importante aumentar a capacidade da empresa para responder ao mercado em evolução por meio do aumento da velocidade e flexibilidade, coletar e analisar dados de clientes, reforçando simultaneamente a diferenciação e como forma de garantir o uso mais eficaz de estoque e melhorar os processos de negócios.

Com os dados do seu mercado em mãos, você será capaz de estruturar melhor seu estoque e gestão de vendas, diminuindo seus custos e melhorando sua gestão financeira.

Tecnologia para automatizar a gestão de custos

Neste mundo altamente competitivo, é importante que as empresas trabalhem com soluções de gestão integrada e automatizada. Esta implementação ajuda as empresas a agilizarem os processos, registrá-los e acompanhá-los numa base mais eficiente.

Além disso, reduz as despesas de funcionamento e melhora a gestão de custos. No geral, soluções automatizadas são uma excelente ferramenta de informação para uma melhor tomada de decisões.

Conheça os seus custos estratégicos

Você deve compreender quais os seus custos essenciais e tentar cortar agressivamente todo o resto. Custos diretamente relacionados com a qualidade do serviço ao cliente, novas vendas ou a sua vantagem competitiva definida são estratégicos.

Qualquer redução das despesas impactará diretamente no seu negócio. Mas, onde cortar?

Com redução de pessoal, você reduz um serviço personalizado aos clientes. Cortando estoque, você corre o risco de perder clientes.

Para otimizar sua ação, é preciso focar em cortes em escritórios caros, cadeiras estofadas e bônus excessivos. Incentive os funcionários a apresentarem ideias para redução de custo e os recompense por isso.

Crie um orçamento anual e mensal

Você não pode gerenciar o que não se pode medir. Mais importante que ter um planejamento, é cumpri-lo e fazer avaliações periódicas sobre o seu cumprimento.

Compare suas despesas

Proprietários de pequenas empresas constroem relacionamentos fortes com os seus fornecedores e prestadores de serviços. Com base nesses relacionamentos, converse com outras empresas do mesmo segmento, faça benchmarking, veja o que tem dado certo e errado com eles e traga o melhor para a sua realidade.

Use ferramentas de apoio

Uma empresa especializada poderá fornecer soluções interessantes e ajudá-lo a definir uma gama de alertas e lembretes relacionados ao dinheiro consumido, operações com banco on-line, pagamento de contas, pagamento de impostos, depósito direto, folha de pagamento e soluções tecnológicas de gestão de tesouraria. Estas medidas de controle de custos melhoram a visibilidade e gestão relacionadas com as despesas e lhe permitem obter um melhor controle sobre os lucros futuros.

Na sua empresa, quando o assunto é controle de custos e despesas, qual a sua estratégia para melhorar a rentabilidade? Compartilhe suas experiências nos comentários e contribua com nosso artigo!

[contact-form-7 404 "Not Found"]
 
Share: