O ano de 2016 já começou e o varejo quer cada dia mais crescer, vender e gerar novos empregos. E isso é perfeitamente possível, independentemente do tamanho do seu negócio! Para isso, é preciso  ser otimista, sempre inovar e renovar para se manter competitivo e ativo no mercado!

Quer fazer a sua loja (seja ela virtual ou física) crescer em 2016? Continue a leitura e saiba mais sobre o assunto!

O que significa inovar pelo desenvolvimento do varejo?

Inovar é um conceito que engloba diversas coisas: utilizar novas tecnologias e soluções para o atendimento ao cliente, trazer um novo layout à loja, melhorar o processo de pós-venda, trabalhar a experiência de compra ou criar uma nova. Nada disso é fácil, mas é absolutamente necessário para o varejista que deseja sobreviver no mercado.

O grande desafio é inovar a sua empresa com alguma dessas ações (ou até mesmo todas elas). Quem ganha com tudo isso é o cliente, que vai ficar satisfeito, o que implica em  maiores vendas para você.

Como definir a melhor solução para o meu negócio?

Atualmente, existem diversas soluções que podem ser utilizadas para o desenvolvimento do varejo. Basta estudar o seu negócio, encontrar os pontos vulneráveis e ir em busca da solução mais adequada.

Se você anda indeciso, tome como base o seu cliente. Torne a sua experiência de compra  interessante.

Vá de acordo com as necessidades que ele tem e inove! Uma nova experiência de consumo pode fazer toda a diferença para o comércio varejista.

Tecnologia

A partir desse ponto de vista, se torna muito mais simples definir qual a tecnologia a se utilizar para atender a demanda do seu público. Um erro comum no varejo é a adoção de novas tecnologias e soluções sem estudar nem entender como elas beneficiarão o seu cliente. Isso é dar um tiro no escuro, pois, o que pode funcionar muito bem para um determinado segmento do varejo, pode não ser tão interessante para outro.

Focar no cliente é a chave para crescer em 2016?

O mais importante é investir e inovar com tecnologias que melhorem o relacionamento com o cliente e atrair a sua atenção para a loja. Isso não vale apenas para as lojas virtuais, mas também para as físicas.

O cliente que é bem atendido em uma loja física sempre vai voltar. Mas, se não for, provavelmente buscará outra opção.

Com isso, você perde uma venda. Por isso, é essencial investir no treinamento de funcionários, que possam atender o consumidor da melhor forma possível.

E-mail marketing

Nas lojas virtuais, é preciso investir no e-mail marketing, com revistas virtuais, cupons de desconto, brindes e qualquer tipo de incentivo que atraia o cliente para a loja virtual para finalizar a compra. Para o e-commerce, é preciso ter ainda mais atenção na segurança de dados, especialmente porque a maioria das pessoas prefere pagar com cartão de crédito e seus dados sigilosos devem ser preservados.

O que achou do artigo? Quer inovar o seu negócio e contribuir para o desenvolvimento do varejo em 2016? Curta a nossa página no Facebook e fique sempre por dentro das novidades!

[contact-form-7 404 "Not Found"]
Share: