Síndico profissional: quais são as vantagens e desvantagens de contratá-lo?

4 minutos para ler

Todos os condomínios necessitam de um síndico, independentemente de serem de pequeno, médio ou grande porte. Habitualmente, os responsáveis pela administração dos condomínios eram os moradores locais, escolhidos a dedo pelos condôminos. No entanto, ao longo dos últimos anos, a contratação de síndicos profissionais tem crescido muito, e tudo isso devido à possibilidade de capacitação e de dedicação desses administradores com formação específica.

A escolha de um síndico profissional requer o uso de técnicas de contratação, pois os candidatos são muitos e é importante analisar com calma cada currículo. Dessa maneira, será possível contratar um síndico que tenha um conhecimento que o habilite a assumir esse cargo de extrema importância.

Quer saber quais são as vantagens e desvantagens de contratar um síndico profissional? Continue a sua leitura!

Quais são as vantagens de contratar um síndico profissional?

Os benefícios adquiridos com a contratação de um síndico profissional são muitos. Veja, abaixo, quais são as principais vantagens de se contratar um desses especialistas!

Ele tende a ter mais experiência no assunto que um síndico morador

O síndico profissional, por ter cursos específicos da área, geralmente tem mais experiência em gestão do que o síndico morador. Ele precisa ter conhecimentos em algumas áreas, tais como:

  • legislação tributária e trabalhista;
  • procedimentos administrativos;
  • setor financeiro;
  • setor contábil.

Pode parecer difícil encontrar esses profissionais capacitados, mas saiba que essas pessoas especialistas e experientes existem. Por terem expertise, são muito responsáveis e, por isso, vale muito a pena pagar pelos seus serviços.

Haverá imparcialidade em gerenciar conflitos de relacionamento e mais profissionalismo com os moradores

São vários os fatores que levam as pessoas a procurarem pelos administradores externos de condomínio e o principal deles é que muitos não conseguem diferenciar a pessoa do síndico da pessoa do vizinho, o que faz com que o convívio seja afetado.

Por essa razão, contratar um profissional para cuidar dessa área é ótimo, pois ele vai policiar ou fiscalizar os moradores do local para que cumpram com as suas obrigações e com as tarefas relativas às previsões legais e convencionais, sem que eles fiquem chateados ou se sintam incomodados com as cobranças.

O profissional terá imparcialidade nas relações com os prestadores de serviço

O síndico profissional tratará todos os prestadores de serviço de maneira igual e não favorecerá nenhum deles por interesse pessoal em qualquer que seja o trabalho a ser realizado. Isso traz a todos a garantia de que o regimento interno será cumprido, sem que haja constrangimentos no ambiente do condomínio.

Quais as desvantagens de se contratar um síndico profissional?

Assim como existem muitas vantagens em se contratar um desses gestores de condomínios, também podem existir certas desvantagens. Confira quais são elas!

Ele não conhece tão bem o dia a dia do empreendimento

Por não morar no condomínio, o gestor não saberá (imediatamente) de todos os problemas, como a necessidade de pequenos reparos ou problemas pessoais de segurança que as pessoas podem enfrentar. Sobre esses assuntos, ele vai ser inteirado somente quando alguém reclamar ou solicitar que sejam tomadas as medidas cabíveis para cada contratempo.

  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Gmail

A contratação tem um custo

Ter um síndico que mora no condomínio, com certeza, custa mais barato do que contratar um administrador. Muitas vezes, essa pessoa que mora no local ganha apenas a isenção do pagamento da taxa de condomínio. Já o profissional recebe um valor estipulado em contrato de trabalho, devendo obedecer aos limites mínimos estipulados nas convenções coletivas e ao teto salarial.

Os valores pagos a um síndico variam de acordo com a carga horária trabalhada. Sendo que a remuneração média vai de R$ 1,5 mil a R$ 4 mil reais, podendo até chegar a R$ 15 mil por mês, de acordo com dados do mercado. Além de ser uma função primordial para o condomínio, a carreira pode oferecer bom reconhecimento financeiro ao profissional.

Enfim, contratar um síndico profissional traz mais vantagens do que desvantagens, pois, com esse ato, o condomínio vai ser mantido em conformidade com o Código Civil, com a Convenção, com as deliberações das assembleias e com os regulamentos internos. Sem contar que os profissionais contratados são altamente qualificados, o que evita problemas futuros.

Gostou do nosso conteúdo sobre síndicos profissionais? Compartilhe nosso artigo nas suas redes sociais para que seus amigos também tenham acesso a essas valiosas informações!

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

-
Share This