fbpx

Aprenda agora como calcular a margem de lucro da sua empresa

5 minutos para ler

Independentemente de você ser um micro, pequeno ou um empreendedor de grandes negócios, é essencial conhecer algumas métricas para mensurar o desempenho do seu empreendimento. Além dos indicadores focados nos resultados, você deve aplicar cálculos prévios para identificar quais são as necessidades financeiras da sua empresa. Uma dessas métricas é a margem de lucro.

É por meio dela que o gestor consegue fazer a precificação certa dos seus produtos e garantir o desenvolvimento inteligente do negócio. O termo é muito comum, mas o conceito é, muitas vezes, exposto de maneira irresponsável e incorreta, o que induz o empresário a erros sucessivos.

Neste artigo, você vai aprender o que é a margem de lucro e como calculá-la. Se você quer melhorar o gerenciamento da sua empresa, continue a leitura deste artigo!

O que é margem de lucro?

A margem de lucro corresponde a uma métrica utilizada para encontrar o valor referente a quanto o seu negócio tem de lucro, apresentando-o em porcentagem. O cálculo da margem de lucro, na maioria das vezes, é feito de maneira equivocada por muitos empreendedores. Na contabilidade, existem 4 estágios:

  1. trata apenas do custo das mercadorias (lucro bruto);
  2. deduz esse custo e os operacionais (lucro antes do resultado financeiro e dos tributos);
  3. subtrai as despesas financeiras (lucro antes do Imposto de Renda);
  4. reduz as provisões para Imposto de Renda, Contribuição Social e Participações Estatutárias (lucro líquido).

Margem de lucro bruta vs. margem de lucro líquida

O cálculo da margem de lucro bruta, frequentemente, é feito de forma equivocada. Em vez de considerar todo o custo envolvido no processo de venda de um produto, ele só faz o cálculo de subtração entre o valor de repasse ao cliente e o preço de compra no fornecedor. No entanto, para encontrar o montante real, é preciso apresentar outros custos, como o de transporte da mercadoria.

A margem de lucro líquida é aquela em que o cálculo é feito considerando todos os custos e as deduções tributárias incidentes na operação do seu negócio. Ela é o indicador mais limpo que você vai ter em relação à performance financeira da sua empresa.

Para fins contábeis, é possível encontrar esses valores na DRE (Demonstração de Resultado do Exercício). É essencial que todas as informações de custos, despesas e entradas sejam consolidadas por meio do balanço patrimonial. É com o cálculo da DRE que os gestores conseguem identificar qual foi o desempenho financeiro do negócio.

Como calcular a margem de lucro?

Você pode fazer o cálculo de margem de lucro de um produto em específico ou de todo o negócio, ou seja, tendo como parâmetros todas as interfaces e operações da empresa. Para calcular a sua margem de lucro, basta fazer a seguinte operação:

margem de lucro = (receitas/despesas)*100.

Esse valor deve ser mensurado com o resultado do negócio, mas é essencial que ele seja ajustado conforme os objetivos e os produtos da sua empresa. Para quem está começando um negócio, é mais difícil encontrar a margem de lucro, uma vez que a sua definição é feita “no escuro”.

O ideal é o que empresário busque mapear todos os custos envolvidos no processo, pesquisar a margem de lucro praticada por produto e, assim, definir quanto ele espera de retorno por item e pela plataforma de negócio. Assim, é feita a precificação.

Como interpretar os resultados

Não existe uma taxa de margem de lucro padrão que todos os negócios devem seguir. Isso vai depender exclusivamente do tipo de produto comercializado, do local e do público da sua empresa. Mas, pensando em uma análise de resultados do desempenho do seu negócio, quanto maior o valor encontrado, melhor.

Esse dado pode ser otimizado por meio da implementação de estratégias para a redução de custos, não mexendo no valor de repasse para os clientes. Quando pensamos em um único produto, pode ser difícil encontrar oportunidades para isso. Porém, é possível melhorar a performance financeira, contribuindo para o crescimento da margem de lucro, atuando em despesas fixas, como água e energia, por exemplo.

Você viu que cuidar das informações do seu negócio é o passo primordial para fazê-lo crescer, não é verdade? Por isso, tenha um contador parceiro para ajudar você a identificar oportunidades e a fazer o planejamento da sua empresa para os próximos anos. Além disso, vale contar com uma solução de gestão integrada confiável para otimizar o desempenho do seu negócio.

Se você achou o nosso partigo sobre o cálculo da margem de lucro interessante, aproveite e confira o nosso guia completo de como aumentar a receita no varejo. Boa leitura!

Você também pode gostar

Deixe um comentário